Serviços

Corpo Corpo

Como podemos lhe ajudar?

Preencha o nosso formulário
ou ligue para: (24) 2231-0018

Lipoaspiração e Lipoescultura

Tanto a lipoaspiração quanto a lipoescultura fazem parte do processo cirúrgico que visa remodelar o corpo. Dependendo de cada caso, a cirurgia pode apenas retirar o excesso de gordura acumulado em determinadas partes do corpo ou associar o procedimento à reintrodução do material em outras áreas.

solicite uma consulta3d

Vídeo sobre o assunto

Principais dúvidas

O objetivo do procedimento é obter um resultado estético proporcional entre as áreas trabalhadas e o restante do tronco e membros. Por isso, a redução no peso é uma consequência da cirurgia, que vai variar de acordo com o volume corporal de cada paciente.

A avaliação correta de três itens, qualidade da elasticidade da pele, quantidade de gordura e sua localização, nos permitem avaliar o resultado. Em casos, em que o(a) paciente está com o peso acima do normal, recomendamos um equilíbrio prévio e um tratamento clínico ou fisioterápico.
As cicatrizes resultantes de uma lipoescultura ou lipoaspiração são mínimas, localizadas em diversas partes do corpo, de modo a permitir acesso às áreas a serem operadas. Seu tamanho varia entre 5 e 8 milímetros e são planejadas para ficar pouco visíveis.
Geralmente sim. Dependendo do seu tipo de tronco (conjunto tórax + abdomen), poderemos ter um resultado bastante natural. Também tem grande importância, sobre este aspecto, a espessura da gordura que reveste o corpo.
Geralmente não. Uma lipoaspiração ou lipoescultura de evolução normal não deve apresentar dor, desde que obedecidas às orientações pós-operatórias. Eventuais incômodos são resolvidos com a utilização de analgésicos e antiinflamatórios, prescritos pelo Dr. Maurício.
Dependendo da extensão da área aspirada e do tipo de anestesia (local com sedação, peridural, geral) o período de internação poderá variar de algumas horas até 1 dia.
Geralmente no dia seguinte à cirurgia.
Sim, a cinta modeladora irá garantir um maior conforto e um menor edema nos primeiros dias de pós-operatório. Você deverá usá-la de 30 a 60 dias, dependendo do caso.
. Comunicar-se com o Dr. Maurício até 2 dias antes da cirurgia, em caso de gripe, período menstrual, indisposição, etc.

. Evitar todo e qualquer medicamento para emagrecer, que eventualmente esteja fazendo uso, por um período de 10 dias antes do ato cirúrgico. Isto inclui também os diuréticos.

. Programar suas atividades sociais, domésticas ou escolares, de modo a não se tornar indispensável a terceiros, por um período de aproximadamente 4 a 5 dias.
. Evitar esforços por 8 dias.

. Levantar-se tantas vezes quanto lhe for recomendado por ocasião da alta hospitalar, obedecendo aos períodos de permanência sentado (a), assim como evitar ao máximo esforços.

. Não se exponha ao sol ou friagem, por um período mínimo de 1 semana.

. Voltar ao consultório para os curativos subsequentes, nos dias e horários estipulados.

. Vale ressaltar que entre o 3º e o 5º dia pós-operatório, poderá haver uma discreta depressão emocional ou mesmo física. Isto é previsto e explicável pela recuperação do seu organismo, em prol da sua fisiologia corporal.

. Não se preocupe com as formas intermediárias nas diversas fases. Tire com o Dr. Mauricio, e somente com ele, quaisquer dúvidas que possam advir.

. Alimentação normal (salvo em casos especiais). Recomendamos alimentação hiperproteica (carnes, ovos, leite) assim como o uso de frutas.

. Aguarde para fazer sua “dieta ou regime de emagrecimento”, após a liberação médica. A antecipação desta conduta por conta própria, poderá determinar consequências difíceis de serem sanadas.